Massa não se incomoda com comparações a Barrichello

Brasileiro se orgulha da carreira na F1, sendo “quem chegou mais perto de um título mundial” do país

O Brasil não terá representantes no grid da F1 em 2018, após grande período com pelo menos um piloto, além dos títulos mundiais de Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet e Ayrton Senna.

Nas últimas duas décadas, na era pós-Senna, dois pilotos se destacaram com vitórias e vices, Rubens Barrichello e Felipe Massa.

Massa e Barrichello juntos em evento da F1 (Foto: Divulgação)
Massa e Barrichello juntos em evento da F1 (Foto: Divulgação)

Antes da participação nas 500 Milhas de Kart na Granja Viana, Massa falou sobre as comparações entre sua passagem na F1, com a de Barrichello, que possui o recorde de participações na categoria.

“Na verdade, eu tive muito mais do que imaginei na minha carreira”, disse massa. “Realizei muitos sonhos, não tenho motivo nenhum em me preocupar.”

“A única coisa que faltou para mim foi um título mundial e acredito que fui o piloto brasileiro que chegou mais próximo disso, daqueles que não foram campeões.”

“Não tenho nada com me preocupar com nenhum tipo de comparação, sou um cara realizado e isso é o mais importante.”

Mais lidas nesse momento