Depois de estreia com gol no Japão, Jô promete acompanhar Corinthians no Dérbi

Atacante confia que técnico Fábio Carille encontrará solução para ataque alvinegro

Jô saiu do Corinthians, mas o Timão não saiu dele. Em Nagoya, no Japão, o atacante promete acordar de madrugada para assistir ao Dérbi deste sábado, pela nona rodada do Campeonato Paulista – Corinthians e Palmeiras se enfrentam às 17h (de Brasília), em Itaquera.

– Eu acompanho! Tem ainda muitos grupos no Whatsapp em que a gente se fala o tempo todo. Assisto aos jogos sempre que possível. Vou assistir ao clássico, apesar de ser de madrugada... Colocar o telefone para despertar porque sou corintiano, deixei muito amigos aí e gosto de ver futebol – disse Jô à reportagem do GloboEsporte.com.

Depois de estreia com gol no Japão, Jô promete acompanhar Corinthians no Dérbi (Foto: Divulgação)
Depois de estreia com gol no Japão, Jô promete acompanhar Corinthians no Dérbi (Foto: Divulgação)

O sabádo de Dérbi também marcou a estreia oficial de Jô no Nagoya Grampus. Pela primeira rodada do Campeonato Japonês, aos 39 minutos do segundo tempo, ele fez o gol da vitória por 3 a 2 sobre o Gamba Osaka – antes, tinha dado uma assistência.

– Em Nagoya, os torcedores são muito carinhosos, educados. Em campo, tenho tentado me adaptar o mais rápido possível. Estou ansioso pela chegada da minha família na semana que vem, mas muito feliz.

Depois de ser protagonista nas conquistas do Paulistão e do Brasileirão do ano passado – da competição nacional, ele foi artilheiro com 18 gols –, Jô deixou o Corinthians em dezembro após a segunda passagem. Até agora, o Timão não encontrou um substituto à altura...
O técnico Fábio Carille testará uma nova formação ofensiva neste sábado, com a volta de Jadson ao time titular e Romero como falso 9.
 
– A equipe está com uma certa dificuldade para achar um centroavante. Hoje em dia, é difícil ter centroavante de origem. No Brasil, são poucos que têm as características que eu tenho. Mas, independentemente disso, os jogadores do Corinthians têm capacidade de exercer a minha função, não com a mesma qualidade, porque cada um tem a sua – afirmou Jô, que acredita que Carille encontrará um solução:

– Eu confio no trabalho do Fábio, que vai encaixar o time, e as coisas vão mudar.

Jô não se esquece do primeiro Dérbi do ano passado – o Corinthians venceu os três jogos contra o Palmeiras em 2017. Pela quinta rodada do Paulistão, também na Arena alvinegra, o atacante entrou no lugar de Kazim para fazer o gol da vitória por 1 a 0 aos 42 minutos do segundo tempo. Detalhe: com um jogador a menos desde o fim do primeito tempo.

– Foi realmente marcante, fiz o meu primeiro gol na Arena na volta ao clube. Eu fiquei muito feliz. Houve outros jogos importantes, mas sem dúvida nenhuma aquele foi o divisor de águas no ano. A desconfiança era muito grande... A vitória nos deu confiança para fazer um ano brilhante, para mim e para o time.

Mais lidas nesse momento